Arquivo

Posts Tagged ‘imbecis no altar’

Operação do Erro – 1

Por isso lhes envia Deus a operação do erro, para que dêem crédito à mentira,
a fim de que sejam julgados todos os que não deram crédito à verdade, antes tiveram prazer na injustiça.
2 Tessalonicenses 2:11-12

 

1157581_211988735624805_1759759597_nExemplo disto numa igreja evangélica (note bem, evangélica, não Cristã), na cidade satélite de Ceilândia, DF, onde uma missionária arroga para si poderes especiais e faz a troca do coração de um obeso mórbido, interessante, se o coração não fosse um coração de boi… Não acredita? Veja o vídeo e as fotos e detecte a que ponto chegamos:

 

Leia mais…

Anúncios

A pregação do medo

O pastor Marcos Pereira, preso suspeito de cometer uma série de crimes, é acusado de ser mandante de um assassinato e testemunhas se dizem coagidas por seus seguidores

Michel Alecrim

chamada.jpg

Preso desde maio em uma cela isolada do presídio de Bangu 9, no subúrbio do Rio de Janeiro, o pastor Marcos Pereira, 56 anos, continua falando para multidões. Com sua pregação exaltada, segue angariando convertidos na cadeia. Ergue as mãos para fora das grades e, em voz alta, comanda a reza, que é acompanhada por detentos em celas próximas. Pereira não usufrui do banho de sol junto dos outros presos porque se recusa a tirar a camisa, alegando motivos religiosos. Está mais magro e perdeu um dos dentes da frente. “Ele vai ser absolvido. Ofereceram dinheiro para as supostas vítimas”, diz Luiz Carlos da Silva Neto, advogado do pastor.

 

O pastor Marcos Pereira, fundador e líder da Assembleia de Deus dos Últimos Dias (Adud), é acusado de uma série de crimes, como associação ao tráfico e lavagem de dinheiro. Suspeito de ter praticado mais de 20 estupros contra mulheres, foi denunciado à polícia por oito delas, mas apenas dois dos casos viraram processos. Quatro prescreveram e outros dois ainda estão sendo investigados. Agora, surge uma nova acusação: uma testemunha disse à polícia que viu o assassinato da fiel Adelaide Nogueira dos Santos, 25 anos, em 2006, na Baixada Fluminense, e aponta Pereira como mandante. Adelaide foi estrangulada porque estaria preparando um dossiê contra o pastor. A testemunha acaba de pedir proteção policial. Ela reconheceu às autoridades que na época evitou apontá-lo como responsável por medo. Mas agora decidiu contar tudo o que sabe e responsabiliza Pereira pelo crime. Segundo a testemunha, que pede anonimato, “Adelaide citou orgias” e disse que Pereira “recebia de traficantes para fazer cultos”. A mãe da vítima, Amélia Pinheiro Batista, 65 anos, confirma as acusações e contou que foi vigiada por seguidores da igreja. Ela desconfia de um homem que bateu em sua porta pedindo comida, “mas esticou o pescoço” para olhar dentro de casa. “Era uma ameaça, tenho certeza.”

Leia mais…

Para a esquerda, para a direita…

“15. Paulo Coelho não existe mais. Ele agora é Luz Eterna (ou Staars), nome mágico que escolheu para cultuar Satã

Sozinho ou em companhia de Gisa, que o seguia em sua caminhada rumo ao satanismo, Paulo vinha testando alguns dos chamados exercícios ou práticas mágicas. Um dos que fazia com frequência consistia, primeiro, em colher em algum jardim uma folha de Sansevieria trifasciata, planta de folhas duras e pontiagudas conhecida popularmente como espada-de-são-jorge. Se realizado em público, o exercício costumava expor o noviço a um certo ridículo, porque em seguida era preciso caminhar dez passos empunhando a planta como se fosse uma espada de verdade, voltar-se para o poente, e então reverenciar os quatro pontos cardeais, apontando a "espada" para cada um deles e gritando a plenos pulmões:

– A força está no Oeste!

Cada passo para o lado esquerdo era acompanhado de um berro, dado com os olhos voltados para o céu:

– A sabedoria está no Sul! A proteção está no Leste! A vitória está no Norte!

Levada para casa, a espada-de-são-jorge era picada em onze pedaços – onze é o número mágico da teoria thelemita – com um canivete ou faca previamente enfiado na terra e depois aquecido sobre o fogo e lavado na água do mar. Em seguida, os onze pedaços eram dispostos sobre a mesa da cozinha, formando o símbolo de Marte – o círculo encimado por uma pequena seta, que também representa o sexo masculino -, enquanto água era fervida em uma panela. “

 

O texto acima é um fragmento do livro O Mago, uma biografia de Paulo Coelho, escrita pelo mineiro Fernando Morais, e que, por impulso a comprei por dez reais em uma liquidação de livraria aqui em BH. Nunca li nada de Paulo Coelho, mas a sus figura sempre me despertou um certo interesse, pela sua caminhada de vida, sendo ele uma incógnita para muitos cristãos.

Leia mais…

Resposta do Thalles Roberto

Sem consistência, palavras vazias, e continua sem dizer nada. Melhor ficar calado, né, Thalles?

 

Pastor Marcos Pereira é preso no Rio suspeito de estuprar seis fiéis da sua igreja

As investigações apontam que ele violentou uma delas durante oito anos, quando a vítima tinha 14 anos. O pastor não quis falar sobre as acusações.

 

Na terça-feira (7) à noite, no Rio de Janeiro, um pastor foi preso suspeito de estuprar seis mulheres. As investigações da polícia apontam que Marcos Pereira da Silva, da Assembleia de Deus dos Últimos Dias, violentou uma delas durante oito anos e quando a vítima ainda tinha 14 anos de idade.

Imagens do momento da abordagem foram cedidas pela polícia. Marcos Pereira da Silva foi indiciado por estupro e levado para a Delegacia de Combate às Drogas.

Segundo a polícia, seis vítimas prestaram depoimentos, todas fiéis da igreja de Marcos Pereira da Silva, a Assembleia de Deus dos Últimos Dias. Entre elas, a ex-mulher do pastor.

De acordo com informações obtidas nos depoimentos, o delegado responsável pelo caso disse que um apartamento do pastor, na orla de Copacabana, avaliado em R$ 8 milhões, seria o cenário de orgias e violências sexuais. Uma das vítimas contou que sofreu estupros dos 14 aos 22 anos de idade.

Um grupo de pessoas ligadas à igreja de Marcos Pereira da Silva foi até a delegacia. O pastor não quis falar sobre as acusações. “Eu vou saber ainda, não sei quais as acusações, estou aguardando para ver ainda. Não tenho ideia do que pode ser”.

O pastor Marcos Pereira da Silva ficou conhecido por fazer cultos em presídios, ajudar na reabilitação de dependentes químicos e resgatar criminosos que seriam mortos por traficantes. Em 2004, ele negociou com detentos o fim de uma rebelião na Casa de Custódia, na Zona Norte do Rio.

Com conteúdo da Globo.com

O Vídeo da prisão, com conteúdo da Globo.com

Leia mais…

“DEUS” CORRE ATRÁS, OFERECE PROMESSA ARQUIVADA, LEVA PORTA NA CARA E CHORA, COMO ASSIM THALLES?

por: Antognoni Misael

Thalles-Roberto-4Volta e meia Thalles Roberto aparece nas minhas postagens. Já tava demorando… Sei que muitos até duvidam, mas, eu o ouço e gosto de algumas de suas canções – ouvi-lo cantar clássicos das músicas cristãs no álbum Raízes (2010) não tem igual – o problema é que por estar onde estar, talvez por ter sido mal discipulado, ele acaba por merecer algumas considerações.

No último post sobre sobre ele escrevi que se ‘ele apenas cantasse seria menos pior’. Minha sugestão abordou sobre suas equivocadas declarações feitas em pregações, testemunhos e entrevistas, a respeito do evangelho: “Se fosse um deslize, uma frase mal colocada, uma expressão infeliz, até que dava pra relevar, mas… não. Não é tão simples assim”, escrevi.

O que tem me chamado atenção agora é o recente vídeo lançado pela Graça Music “Filho Meu” cujo Thalles fala na primeira pessoa demonstrando uma tentativa do próprio Deus de se relacionar com um suposto FILHO, porém ainda não convertido.

Não julgo a intenção da música, pode até ter sido boa, mas, sinceramente tanto ela quanto o vídeo foram (para mim) de uma péssima fundamentação teológica, pobreza musical e de uma desqualificação da soberania e onipotência de “Deus” nunca vista antes.

Comentando a letra:

“Filho meu
Ta fugindo de mim, é?
Ja tentei, procurei e outra vez
Você me rejeitou, porta na cara doeu…”

1) A Palavra nos ensina que é Deus quem realiza tanto querer quanto o efetuar na vida de todos nós. (Fp 2.13). Charles Spurgeon bem disse que a Graça de Deus não viola a vontade humana, mas triunfa docemente sobre ela. Sinceramente não consigo compreender esse “Deus” da canção que tanto PROCURA,TENTA

Leia mais…

SE O THALLES ROBERTO APENAS CANTASSE SERIA MENOS PIOR

por: Antognoni Misael

Thalles-Roberto-4Se o Thalles só cantasse seria menos pior.

Com exceção de algumas, suas canções até me passam alguma validade, sinceridade, envolvimento, espontaneidade, conteúdo mas… cada vez mais me entristeço com o que ouço quando ‘pastor-cantor’ fala.

Se fosse um deslize, uma frase mal colocada, uma expressão infeliz, até que dava pra relevar, mas… não. Não é tão simples assim.

Já postei algumas críticas ao referido, a primeira foi sobre seu estilo musical e influências teológicas (Uma breve crítica sobre a música do Thalles Roberto), e a segunda, que probematiza sobre o iminente perigo sobre o Thalles (Mesmo sem entender o Thalles Roberto, Livrai-o do Mal Amém), relacionado aos seus parceiros, um tanto quanto místicos e  heréticos.

Mas, por mais que o bumerangue volte com acusações de que sou perseguidor do “ungido”, confesso que gosto de algumas canções dele, contudo… quando o Thalles, que agora também é pastor, fala, sai de frente, que lá vem coisa estranha. Diga se não vem?!

No vídeo abaixo, veja que a partir dos 2 minutos e 45 segundos, Thalles disse que haverá um tempo que “aqueles irmãos ficarão tão cheios do Espírito Santo que nem precisarão pregar o Evangelho”.

Uaii!!! Nesta “profética” palavra, a Bíblia foi pra o Espaço!!! Ou estou sendo incrédulo?

Em outro momento (no vídeo abaixo) ele dá mais uma prova de que ainda não compreendeu o Evangelho de Jesus, do contrário, tomou pra si aquela crença de que têm poder sobrenatural em si. Confira nesta cena, ele jogando a toalha molhada de suor e orientando uma pessoa a levá-la para os seu filho, supostamente para que algum milagre aconteça. (a imagem e o áudio não são bons, mas o fato ocorreu, inclusive  testemunhas que já viram ele usando desse expediente em outros show’s, inclusive aqui na Paraíba)

Leia mais…